Nota oficial de entidades médicas gaúchas

No dia 6 de fevereiro, Cremers, Simers e Amrigs publicaram nota na imprensa reafirmando seu posicionamento contrário à Resolução CFM 2.227/2018, que regulamenta a telemedicina. No texto, as entidades afirmam que não participaram da elaboração da normativa, e que possuem críticas e sugestões à medida. Dois dias antes, o Cremers havia divulgado nota no mesmo sentido em suas redes sociais, manifestando contrariedade diante da resolução emitida pelo CFM.